Objetiva-se publicar biografias, histórias de vida e de batalhas relativas à Revolução de 1932. Caso saiba de algo, entre em contato. Para maiores informações envie mensagem à malusim53@yahoo.com.br.

segunda-feira, 12 de setembro de 2016

Aniversário de Jaguariúna, 2016.






Estação Jaguary - 1910.




O 10º Núcleo de Correspondência “Trincheiras Paulistas de 32 de Jaguariúna” saúda a cidade pelos seus 62 anos de emancipação Política, Administrativa, comemorado hoje,12 de setembro de 2016.
Sempre na vanguarda dos acontecimentos históricos do Estado, a Vila Jaguari teve quatro de seus filhos participando como Soldados Voluntários na Revolução Constitucionalista de 1932, um dos mais importantes acontecimento da história política e também considerado o maior movimento armado do Brasil, lutando por um ideal maior, pela liberdade e pela justiça do nosso País.
Das Terras da Vila Jaguari partiram Alfredo Guedes, Alfredo de Souza, Nabor de Moraes e Valdomiro Chiavegato, levando para os anais da história, o nome da cidade como participante deste tão importante evento.
A Vila Jaguari também foi um importante local estratégico, tanto para as comunicações como para a distribuição de material bélico. Nos barracões da Estação Ferroviária foi instalado um centro telegráfico, um depósito de equipamentos, um alojamento para soldados e até um estacionamento para caminhões.




Zonas de Combates da Mogiana.





Armazém Ferrari que foi saqueado durante a Revolução de 32.




Fonte.

Acervo da Casa da Memória Padre Gomes.




Cel. Amâncio Bueno, fundador da Vila Jaguary.


PARABÉNS JAGUARIÚNA!!!


Editado e publicado por Maria Helena de Toledo Silveira Melo

Nenhum comentário:

Postar um comentário